Header Ads

Ceará recebe 1,7 milhão de doses da vacina contra Covid a partir de fevereiro, afirma governador Camilo

 

O Ceará deve receber 1,7 milhão de doses de vacina contra a Covid-19 no primeiro semestre de 2021, segundo afirmou nesta quarta-feira (16) o governador Camilo Santana, após solenidade de lançamento do Plano Nacional de Imunização, em Brasília.

"Estamos comprando seringas, agulhas, refrigeradores. A partir do momento em que o Estado recebe a vacina, é nossa responsabilidade distribuir para os municípios", afirmou Camilo.

O plano nacional prevê a vacinação primeiro de grupos considerados prioritários, por estarem mais expostos ao coronavírus ou serem mais vulneráveis à doença. Segundo o governo, em todo o Brasil 51 milhões de pessoas serão vacinadas nessa etapa, o que vai exigir 108, 3 milhões de doses.
Cada pessoa toma duas doses, e há uma perda de 5% de vacina decorrente dos processos de transporte e aplicação.

No Ceará, a vacinação prioritária está dividida em quatro fases:
  •  Primeira fase: trabalhadores da saúde, Idosos a partir de 75 anos de idade, pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência (como asilos e instituições psiquiátricas) e população indígena.
  • Segunda fase: pessoas de 60 a 74 anos.
  •  Terceira fase: pessoas com comorbidades que apresentam maior chance para agravamento da doença (como portadores de doenças renais crônicas, cardiovasculares, entre outras);
  •  Quarta fase: professores, forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade. 

  • G1

Nenhum comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!

Tecnologia do Blogger.