Business

"Transporte intermunicipal de passageiros no Ceará retorna no dia 10 de julho, porém seguindo rigoroso critério sanitário", diz Camilo



O transporte de passageiros entre municípios retornará às operações em território cearense a partir da próxima sexta-feira, 10 de julho. As empresas deverão seguir um “rigoroso protocolo sanitário”, de acordo com o governador Camilo Santana, durante anúncio do novo decreto de retomada no Estado, neste sábado (4). Também ficou decidido que Fortaleza entra na fase 3, mas sem restaurantes à noite e com bares e barracas de praia fechados.
“O tempo da pandemia em cada região tem sido diferente. É obrigatório o uso da máscara e proibido aglomeração. É importante que as pessoas cumpram essas determinações para que a gente possa continuar avançando nas fases de abertura”, destaca Camilo sobre as viagens.]
Em 23 de março, o transporte intermunicipal foi um dos primeiros setores paralisados por decisão do primeiro decreto. A preocupação era que, com o início da pandemia em Fortaleza, a doença fosse disseminada para outras cidades do Interior. Contudo, atualmente, a doença já chegou aos 184 municípios cearenses, de acordo com a plataforma IntegraSUS.
Só na Rodoviária de Fortaleza, o número de passageiros chegou a cair 70% entre março e maio, de acordo com a administração do equipamento. Quem precisava se deslocar para o Interior passou a recorrer a aplicativos de transporte ou a caronas de familiares.
Cuidados 
Conforme o Protocolo de Reabertura do Transporte Coletivo Público e Privado, elaborado pelo Governo do Estado, ficaram estabelecidas regras como a disponibilização de álcool em gel 70% aos passageiros e de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) a todos os funcionários. Além disso, os veículos devem ser desinfectados, no mínimo, três vezes ao dia: uma à noite, outra após o pico da manhã e outra antes do momento de maior demanda da tarde. Os ambientes também devem ser ventilados e manter janelas abertas.
DN 

Postar um comentário

0 Comentários