Anuncios

 

Fala da ver. Zilma Araújo em tribuna - 15 de fevereiro . 3º sessão ordinária. Foto: Jackson Souza

     Nesta sexta, 15 de Fevereiro, no plenário Pitombeiras ocorreu a  3ª sessão ordinária da câmara dos vereadores de Senador Sá, com a ausência da vereadora Daniele Cordeiro os demais parlamentares votaram os requerimentos 01/2019 e 02/2019 apreciados na último encontro (reveja) e receberam dois projetos de lei encaminhados pelo poder executivo em caráter de "urgência urgentíssima", que tem a prerrogativa de serem analisados e votados na mesma sessão. 

Ordem do dia:
Votação dos requerimentos 01/2019 e 02/2019 aprovados por unanimidade (7 votos);

Votação dos projetos... 
# 03/2019 - Trata sobre readequação dos parâmetros, normas e regras do regime jurídico para o processo de escolha e funções cabíveis aos conselheiros municipais. (Devido a complexabilidade e após questionamentos o presidente jogou a discussão para a próxima sessão, dando um prazo para as analises das comissões legislativas).
# 04/2019 - Regulamentação da controladoria geral do município, cargos e funções desses como também os pré requisitos para assumir o cargo. (Aprovado por unanimidade)


Em tribuna:
    A vereadora Zilma Araújo pediu esclarecimentos sobre o transporte escolar (reveja um dos casos) que vem sofrendo inúmeras reclamações principalmente no distrito de Serrota e localidades vizinhas. Comentou sobre o processo de convocação dos concursados que ainda aguardam o chamado para suas respectivas vagas. Reiterou sobre as problemáticas com as barragens, que inclui a do açude Tucunduba e reafirmou o compromisso do Dep. Romeu Aldigueri parabenizando-o pela iniciativa em pedir via ofício uma vistoria para avaliar a situação e consequentemente uma possível reforma. Solicitou verbalmente a possibilidade do envio do carro fumacê para diminuir os mosquitos e consequentemente possíveis focos de dengue... Trouxe a casa a problemática do distrito de Serrota, onde o município instalou postes no meio das vias, mas não iniciou a construção dos canteiros centrais dividindo as vias e os portes são um perigo ao trânsito no local somado a falta de iluminação, pontos esses que infelizmente já ocasionaram acidentes no local (foto ao lado). 

        A vereadora Maria do Carmo abordou assunto de saúde pública de responsabilidade do setor de limpeza pública, segundo a mesma, visitou locais na cidade e colheu informações de moradores que o carro de coleta de lixo não estaria passando regulamente em alguns pontos da sede. Reiterou a importância de uma colata regular e sem escolhas de locais... Comentou também que seria importante ações educativas por parte das sec. de saúde e/ou educação dividindo a responsabilidade da limpeza pública com a população. O ver. Raul corrobora com a parlamentar e acrescente pedindo que seja revisto a questão dos salários aos garis que tem atrasado nos últimos meses. Ela conclui parabenizando a odontóloga e a nutricionista que estiveram efetuando ação educativa no distrito de Salão.

          O último a ocupar a tribuna, vereador Raul Neto, inicia trazendo ciência a casa com a Cogerh ocorrida no último dia cinco (05) informando já há uma empresa licitada para a correção da barragem do Tucunduba (reveja), que dentre aos outras barragens do estado, não encontra-se em condições de urgência, mas a obra ocorrerá até o início do verão e complementa parabenizando o Dep. Romeu A. pela iniciativa em requerer vistoria e atenção para com o Tucunduba. Questiona sobre as convocação do último concurso, que acontece de forma incomum, apontando e comentando sobre a sumula via STF que trata sobre o tema. Informa que recebeu a ata da audiência pública sobre o abastecimento de água (reveja) e estará repassando aos demais parlamentares para posteriores ações do parte do legislativo. Requer verbalmente sobre o benefício oferecido a banda de música, onde os valores ficaram a cargo do executivo que fixou em mil reais a ser dividido entre os membros. A ver. Zilma complementa sobre reclamações recebidas, onde segundo informações de membros, eles estariam sendo humilhados ao cobrar o incentivo financeiro. Raul reitera afirmando que nenhum valor foi fixado pelos vereadores ao votar o assunto, até gostaria de ter feito, mas no diálogo o ponto ficou a ser visto pelo executivo. Comenta sobre o descaso na manutenção do cemitério público, assunto já discutido pela casa e como também acordado com o executivo que havia comprometido-se a efetuar a manutenção periodicamente até a contratação de um zelador fixo, mas que até hoje, um ano depois nenhuma ação foi feita e o local continua do mesmo jeito. Conclui questionando que as leis apreciadas e aprovadas seguem sem serem publicadas em diário oficial referindo-se aos direitos dos servidores públicos e a lei sobre as nomenclaturas das ruas, que mesmo após concluídas ainda não foram oficializadas pelo executivo.


Live do ver. Raul Neto:
 
Reações:

Postar um comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!

 
Top