Header Ads

Senador Sá: Sec. de saúde reuniu-se para assistir palestra sobre o câncer de mama, no outubro rosa. Confira!


     No dia 22 de outubro, a Secretaria de Saúde realizou palestra sobre o câncer de mama e câncer de cólon do útero, no auditório da na Câmara Municipal. O evento fez parte de todo o movimento da secretaria para o Outubro Rosa, mês em que se procura enfatizar os cuidados com o câncer de mama.
A palestra foi organizada pela equipe da Secretaria Municipal, juntamente com a equipe de Saúde da Família da sede. Na ocasião, o Dr Alisson falou sobre a importância do diagnóstico precoce da doença, fatores de risco e tratamento. Com auditório lotado, foram tiradas várias dúvidas e, ao final, foram sorteados brindes e oferecido um belo lanche a todas as mulheres que compareceram.


Sobre o Outubro Rosa

     O movimento nasceu nos Estados Unidos, no início da década de 90, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada todos os anos e tem o objetivo de compartilhar informações sobre a doença e formas de detecção precoce.


Sobre o câncer de mama

     O câncer de mama é uma doença resultante da multiplicação de células anormais da mama, que forma um tumor. Segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva), existem vários tipos de câncer de mama, sendo que, alguns se desenvolvem rapidamente e outros não. É a maior causa de morte entre mulheres brasileiras. Este ano espera-se 57.120 novos casos.

Como próprio nome diz, esse câncer afeta as mamas, que são glândulas formadas por lóbos, estas se dividem em estruturas menores, chamadas lóbulos e ductos mamários. Não existe uma causa única para a doença, mas os alguns fatores de risco que podem trazer maior probabilidade do seu aparecimento, são eles:

  • aumento da idade;
  • menarca precoce ou idade da primeira menstruação;
  • menopausa tardia;
  • nunca ter engravidado;
  • ter tido o primeiro filho depois dos 30 anos;
  • histórico familiar;
  • excesso de peso e ingestão de álcool regularmente (que são fatores modificáveis).

   


      Mesmo não estando nos fatores de risco, toda mulher precisa ter em mente a importância da prevenção e do dia rosa (Lei 11.664), o dia da mamografia anual. O exame é gratuito, feito pelo SUS, e é a única forma detectar tumores menores que 1 cm. Com esse tamanho o nódulo não pode ser sentido com as mãos, mas se diagnosticado e tratado precocemente, as chances de cura chegam a 95%.

Infor.: Prefeitura de SSá via Site
Sec. de saúde de SSá Heber Ximenes

Nenhum comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!

Tecnologia do Blogger.