Header Ads

Regional: Delegado fala ao blogueiro de Massapê Jorge Costa sobre operação em cima da COOTMAM. Veja!!

Hoje cedo, a população massapeense ficou apreensiva com tantos policiais e viaturas na cidade; ninguém sabia do que se tratava, até que, após duas horas de disse-me-disse, soube-se que era uma OPERAÇÃO DAS POLICIAS CIVIL E MILITAR, que, cumpriam UM MANDATO DE BUSCA E APREENSÃO contra os principais dirigentes da COOTMAM(Cooperativa de Transporte dos Motoristas Autônomos de Massapê) e também na própria Cooperativa.A Operação teve início ainda na madrugada e continuou até o final da tarde, quando o Delegado de Polícia Civil de Massapê, Dr. Marciliano Ribeiro, ouviu o último dirigente da empresa.Todos foram liberados após os depoimentos.Conversamos com o Presidente do Inquérito, o próprio Dr. Marciliano Ribeiro e podemos saber qual o motivo real dessa operação.Eis a entrevista na íntegra:

JC - Dr, Massapê acordou hoje surpresa com essa Operação desencadeada pelas Polícias Civil e Militar, que, chamou a atenção da comunidade massapeense e teve uma repercussão regional; eu gostaria de saber e repassar para meus leitores, qual o motivo dessa operação?

MR - Primeiramente os meus cumprimentos; é um prazer lhe receber aqui na Delegacia, Jorge Costa; essa investigação partiu de uma denuncia que foi feita pelo Ministério Público, através da Promotora, Dra. Terezinha, que nos requisitou a instauração do inquérito; na época, estávamos respondendo por Sobral e Massapê. Quando vim definitivamente para Massapê, em novembro, aí pudemos concentrar mais nessa investigação.Jorge, essa investigação vem desde setembro de 2014; foi instaurado o inquérito policial 162/2014 nessa Delegacia; no primeiro momento, nós estamos investigando SONEGAÇÃO FISCAL por parte da MESA DIRETORA DA COOTMAM, empresa que faz a linha Massapê/Sobral-Sobral/Massapê. Então Jorge, o que é que ocorre; além da SUPOSTA SONEGAÇÃO FISCAL, tinha a apropriação do dinheiro que era arrecadado diariamente; então, começamos a investigar, foi pedido quebra de sigilo, pedido essas buscas e apreensões; até que o Juiz da Segunda Vara se convenceu que era necessário dar a busca e apreensão e o bloqueio de vários bens desses investigados, principalmente os veículos deles, que se encontram todos bloqueados, não podem ser transferidos e nem podem circular. Estão sendo entregues novamente pra eles, na qualidade de depositário fiel; isso não significa que eles podem usufruir; eles estão proibidos pela decisão judicial de fazer qualquer uso desse bem, até a sentença final do Juiz, que poderá declarar a perda definitiva do bem ou a devolução pra eles.Essa é uma investigação complexa; demandou muito atenção da parte da gente e foi uma investigação que a gente teve todo um cuidado porque, a aflição dos cooperados que não vinham recebendo, ou vinham recebendo muito mal e sofrendo com isso; famílias também sofrendo que chegou ao ponto da gente se solidarizar com a situação, porque vimos e praticamente presenciamos essa angústia desses cooperados. Portanto, acreditamos que, com essa ação de hoje, que como você mesmo disse, mexeu com a cidade, não só o Ministério Público, juntamente com as Polícias Civil e Militar e o Poder Judiciário, juntos, nós estamos dando uma resposta à sociedade e mostrar que A JUSTIÇA PODE ATÉ TARDAR, MAS NÃO FALHA! Mostrar que essas pessoas que foram lesadas...tá sendo tudo investigado, não é definitivo, mas aparentemente...Essas pessoas vão ver a justiça ser feita; vão poder continuar trabalhando; vão poder continuar dirigindo os carros de linha, servindo a população de Massapê e servindo a população de Sobral.

JC - Dr Marciliano, quer dizer que a população pode ficar tranquila que não será prejudicada; e como fica essa arrecadação diária, após toda essa investigação?

MR - Jorge, a população não será prejudicada, tenha certeza. Nós temos que fazer um trabalho para que isso não venha a acontecer.Quanto a arrecadação, eu não posso entrar no mérito pois sou delegado, mas eu acredito que os cooperados vão tomar as providências no sentido de ver uma nova diretoria; porque é inviável que uma diretoria que está sendo investigada, continue tendo acesso a esse dinheiro, acesso a decisões da Cooperativa; como eles estão sendo acompanhados por advogados, acredito que vai ser lançado um edital para eleição da nova diretoria. E essa nova diretoria é quem vai tomar de conta da Cooperativa, é quem vai correr atrás dos financiamentos dos veículos; tá tudo atrasado, tudo atrasado; tá uma grande bagunça...Foi o que a gente pôde detectar até agora.A gente lamenta porque são vários pais de famílias, trabalhadores, que trabalham de sol a sol; começam 5 horas da manhã, dirigindo, sob estresse, prestando um serviço tão útil à população e no entanto, não vinha recebendo da maneira justa, como deveriam. Então Jorge, a gente, com toda essa preocupação, pedimos os mandatos e depois, com os mandatos na mão, a polícia não pede licença não; vai e executa, cumpre a missão.

JC - Muito bem; aqui fora, Dr, estão 8  cooperados, todos revoltados e afirmando terem sido lesados...Afirmam que são proprietários de veículos, que alguns desses veículos já estão na sucata, que não foram sequer pagos e que seus nomes estão no SERASA... Como é que fica a situação desse povo? Esse pessoal, também fará parte desse inquérito?

MR - Bom Jorge, é um problema complexo, que envolve muitas questões; como a Cooperativa é uma Pessoa Jurídica, existe aí uma possível...Eu tenho que dizer isso porque não é uma conclusão definitiva.. Quem vai dar essa conclusão definitiva mesma, é o Juiz. Meu papel é investigar, produzir provas; mas o que eu posso dizer é o seguinte: Todo esse pessoal que afirma está sendo lesado; que tiveram bens apropriados ou não receberam, eles serão ouvidos no inquérito; todos eles, todos os cooperados.Eu quero inclusive fazer um apelo aqui aos seus leitores que um cooperado da COOTMAM, que nos procurem; vamos ter o maior prazer em recebê-los; vamos pegar o depoimento e vamos incluir no inquérito.Jorge, na Justiça existe o aspecto civil e o criminal; na questão civil, são indenizações, dívidas não pagas; é essa gestão incompatível com a legislação, com a moralidade, que vinha sendo praticada à frente da COOTMAM; isso aí, gerando direito a indenização, quem se sentiu lesado, deve recorrer judicialmente; acionar aí a Mesa Diretora, esse pessoal que está respondendo a esse inquérito policial.Nós temos conhecimento que em virtude das dívidas da COOTMAM, com relação aos veículos, JÁ EXISTEM VÁRIOS MANDATOS DE BUSCA E APREENSÃO DESSES VEÍCULOS, mas esses veículos também estão à disposição desse inquérito policial e do processo; então, até o momento de sanar tudo isso, acredito que com uma nova diretoria, uma nova gestão, poderá ser tudo revisto e de repente essa Cooperativa salda suas dívidas e continue trabalhando para bem servir a população massapeense.

JC - Dr, concluindo: Esse edital que o Sr. falou para convocação de uma nova eleição na COOTMAM, a ideia parte da polícia, da justiça ou dos próprios cooperados?

MR - Deve partir dos próprios cooperados; como policial, dentro da minha esfera, respeitando aí o entendimento do Juiz, do Promotor de Justiça, eu entendo que...É uma opinião pessoal e profissional minha: É incompatível um investigado continuar à frente da Cooperativa; o que eu defendo aqui nesse inquérito, o que eu estou buscando aqui, é entender até que ponto os diretores cometeram crimes nessa função; e se cometeram esses crimes, porque estão na função? Será que se fossem simples cooperados, que estão aí trabalhando, será que tinham cometido esses crimes? Minha lei de raciocínio é nesse rumo aí; então é incompatível; como é que eu estou investigando um cidadão, que em tese, supostamente, pegou o dinheiro dos cooperados, não repassou, justificou despesas que supostamente não existem...Estão cometendo o velho artigo 171, estelionato. Acredito que os próprios investigados já estão sabendo disso e o próprio presidente deverá publicar esse edital, convocando uma assembléia para a eleição de uma nova diretoria.

JC - Dr. eu quero lhe agradecer e gostaria que o Sr. pudesse dar tranquilidade à população massapeense na questão do serviço prestado pela COOTMAM e que os veículos vão continuar rodando normalmente, sem prejuízo algum para quem faz uso dos mesmos diariamente.

MR - A população pode ficar tranquila; hoje foi impactante porque foi o dia que realizamos a operação, mas podem ficar tranquilos que vai funcionar tudo normalmente. Quero agradecer a sua visita Jorge, a visita do Samuel de Lima e dizer que estaremos sempre a disposição da imprensa!

Jorge Costa: "ACREDITAMOS QUE AGORA, APÓS TODA ESSA CELEUMA, OS SENHORES DIRETORES DA COOTMAM, POSSAM OFERECER AOS MASSAPEENSES E SOBRALENSES, UM SERVIÇO DE MELHOR QUALIDADE!Por enquanto, é só!"

Fonte: blog do Jorge Costa

Nenhum comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!

Tecnologia do Blogger.